Total de visualizações de página

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Help! Não me ofenda!

O Espírito de Ofensa 

“Ponha guarda no seu coração com toda vigilância e, acima de tudo o que você guarda, pois dele procedem as fontes da vida.” ( Provérbios 4:23)
                  
Eu acho que estou segura em dizer que todos nós tivemos nossos sentimentos feridos uma vez ou outra. Assim como também já ferimos (conscientemente ou não) os sentimentos de outros. Nós todos nos sentimos insultados por alguém ou sentimos como se uma injustiça foi feita para nós. Normalmente, quando alguém machuca nossos sentimentos em vez de deixar pra lá, ressentimento começa a se construir dentro de nós.
Isso é extremamente perigoso! Eu tenho lutado contra isso e sei que muitos irmãos em Cristo também. O segredo é permanecer na Palavra e sinceramente andar em amor (ágape) e em perdão. Acredite-me, você terá muitas ‘oportunidades’ para se ofender nessa caminhada! Resista, pois não existe como o amor de Deus fluir em sua vida juntamente com Sua unção e poder, se você opera em ofensa e criticismo. Cristão sem amor e sem unção, serve pra que?

Quando você foi insultado e ferido profundamente por alguém, a natureza humana é sempre para retaliar. A natureza humana diz:
"Você me magoou, por isso eu me ressinto de você. Você vai pagar por isso. Eu não vou falar com você. Eu estou indo construir esse muro de proteção em volta de mim, e você nunca mais vai chegar tão perto de mim outra vez.”
Isso não deve ser a atitude de um filho de Deus. Você não deve ser tentado a tomar decisões permanentes com base em circunstâncias temporárias. Não importa o que as pessoas dizem sobre você ou o que as pessoas fazem contra você, você não pode abrigar ofensa em seu coração.
O espírito de ofensa envenena vidas e atitudes. Segundo o Completo Dicionário  Vine Expositivo, a palavra ofensa no Novo Testamento, é derivada de uma palavra grega skandalon, que originalmente era o “nome da parte de uma armadilha para que a isca fosse ligada, portanto, a armadilha ou laço ...." Era a parte da armadilha que atraia ou enlaçava um animal. É de onde tiramos a palavra “escândalo”.


É fácil ver que ofensa é o que Satanás usa para seduzir as pessoas em casos desenvolvidos de amargura, ressentimento e rancor. Satanás usa ofensa para  fazer-nos tropeçar e deixar de ir adiante com Deus.
O espírito de ofensa não é um demônio fraco, mas entre os mais fortes demônios existentes. Jesus nos advertiu que nos últimos dias esses espíritos seriam soltos na Terra e causariam grandes danos.
O espírito de ofensa é culpado por quebrar casamentos, destruir igrejas e destruir amizades. A lista de sua destruição é muito longa. Ele é a causa do que tem sido denominado de  "Road Rage" (ira no transito), que os condutores de veículos têm experimentado em suas próprias vidas. É uma raiva que parece assumir controle e lança-nos a um ‘ataque de chiliques’.
A estratégia do espírito é o de causar mal-entendido e  magnificar as coisas pequenas e, muitas vezes, sem muita importância, para que pareçam muito mais ofensivas do que elas realmente são. Debaixo de influência do espírito de ofensa, as discussões de um grupo, empresa ou igreja podem, por vezes serem dura,  sem amor e de ataque. Isso ocorre porque o inimigo está tentando agitar as coisas e começar a fazer com que os membros da lista  "lutem entre si" em vez de lutar contra o nosso verdadeiro adversário - o diabo.
A estratégia de luta contra este tipo de ataque é o de  operar no espírito oposto: um espírito de amor e honra / preferindo um ao outro.


O espírito de ofensa age juntamente com o espírito de critica, um fortalece o outro. Quando permitimos a ofensa entrar no nosso coração, automaticamente queremos compartilhar isso com outros a fim de ganharmos simpatia. “Viu o que fulano fez pra mim? Fulano disse isso e isso e fez isso e isso.” Começamos a criticar aqueles que temos ofensa em nosso coração. Só vimos erros, faltas e defeitos por mais que tentemos focalizar no que façam de positivo, a ofensa não permite ver alem de falhas... 
“Se há no mundo alguma coisa especialmente díficil e para a qual, apesar disso, nos sentimos preparados, é a arte de criticar.”
J. L. Martín Descalzo
Isso é serio, pois a Bíblia é muito clara,  “Acima de tudo, cultivai, com ardor, o amor mútuo, porque o amor cobre uma multidão de pecados”. (I Pedro, 4:8.)
“O ódio excita contendas, mas o amor cobre todas as transgressões” (Provérbios 10:12).
Paulo condenou como obras da carne os pecados de “discórdias, dissensões e facções” (Gálatas 5:20).

Ainda que você e eu tenhamos razão e estejamos dizendo a verdade, não temos nenhum direito para sair falando para ninguém sobre os erros dos outros! Isso é pecado, Deus odeia e sofreremos as conseqüências desse tipo de atitude.
Quantos de nós somos muito bons em guardar uma lista de tudo o que os outros fizeram pra nós, ou uma lista contendo todas as faltas e falhas que cometeram? Já pensou se Deus fizesse o mesmo conosco? Não temos esse direito!
“O amor ...Não guarda rancor e dificilmente notará o mal que outros lhe fazem” (1 cor 13:
Andar em Amor é encobrir a transgressão dos outros!
Provérbios 17:9 - "O que encobre a transgressão busca a amizade ..

A tentação de ficar ofendido é uma armadilha que deve ser evitada como uma praga. Se não tomamos veneno, não devemos tomar a ofensa. Se quisermos ser campeões para Deus, não devemos ser ofendidos facilmente.

Muitas pessoas nunca se tornam o que Deus quer que sejam porque ficam ofendidas. Elas ficam amargas. Ofensa se torna um obstáculo para elas, e elas nunca vão além desse ponto. Elas são as perdedoras e o diabo é o vencedor.
Nenhuma pessoa pode fazer dano permanente a você, se você estiver disposto a ser maduro o suficiente para recusar a ofensa e confiar em Deus. Este tipo de atitude vai fazer de você um vencedor na vida.

Diga assim:
"Vou guardar contra o espírito de ofensa e não vou deixá-lo entrar no meu coração ou na minha vida de nenhuma maneira."

até a próxima!

Pr R. Davis




Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...